NOTÍCIAS

No túnel do tempo: conhecendo a história da infância em Goiás

Goiânia – O Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente instituído em fevereiro de 1993 foi um marco na história do sistema de garantia dos direitos da infância e juventude. O objetivo do Conselho era garantir a todas as crianças e jovens brasileiros goianos seus direitos de cidadão.

A proposta trouxe novas responsabilidades tanto por parte da sociedade civil quanto por parte do poder público. A instituição foi um marco no processo de implantação do Estatuto da Criança e do Adolescente.

“O Brasil é hoje uma nação sem rumo. Não tem estado, não tem mercado. Tem pernas, mas não anda. Tem empresários, mas não cresce. Tem milhões de pobres, mas não tem revolta. Tem fome, mas não tem saques. Tem cidadãos. Sem cidadania”, disse o sociólogo Hebert de Souza (Betinho).

No período de implantação do Conselho, quatro crianças eram assassinadas por dia no Brasil. Os números estavam cada vez mais assustadores. Acontecimentos chocavam ainda mais a sociedade diante a falta dos direitos das crianças e adolescentes.

“O Conselho torna-se então um órgão deliberativo na formulação de políticas públicas que articulem, entre si, as políticas sociais básicas, incluindo as políticas assistenciais, voltadas para o segmento criança e adolescente.”, relatou Edson Lucas Viana, representante dos membros da sociedade civil.

Existia a necessidade da criação de órgãos que descentralizassem o poder e que trouxesse valorização a regiões antes pouco discutidas.

Os dias atuais

Em 2015 se comemora 25 anos da Lei do Estatuto da Criança e do Adolescente, mesmo ano em que serão feitas eleições unificadas em todo o Brasil para os conselhos tutelares.O sistema de garantia de direitos da infância sofreu grandes mudanças e Conselho valoriza o ser humano e traz cidadania as crianças e adolescentes.

Por Eduardo Maidana

CMDCA divulga carta contra a redução da maioridade penal

Crianças, adolescentes, jovens e adultos elaboram carta contra a redução da maioridade penal. No documento eles manifestam posição contrária ao Rebaixamento da Maioridade Penal, bem como ao Prolongamento do Tempo de Internação ou qualquer outra medida que represente retrocesso aos Direitos já estabelecidos pela Constituição de 1988 e pelo Estatuto dos Direitos da Criança e do Adolescente.

Para ter acesso a carta Clique aqui.


Cecom participa da 10ª Conferência Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente

O Conselho Municipal da Criança e do Adolescente (CMDCA) realiza a 10ª Conferência Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, nos dias 13 e 14 de abril, no auditório da Área IV, da Pontifícia Universidade Católica de Goiás, em Goiânia. A inscrição pode ser feita no site do CMDCA/Goiânia.

O objetivo da 10ª Conferência é garantir a implementação da Política e do Plano Decenal dos Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes, a partir do fortalecimento dos conselhos de direitos da criança e do adolescente. 

Cecom distribui ovos de Páscoa para as crianças da Região Noroeste

O Centro de Educação Comunitária de Meninas e Meninos (Cecom) da Pró-Reitoria de Extensão e Apoio Estudantil (Proex) da PUC Goiás, realiza na sexta-feira, 10, das 8h às 12h, na sede do Cecom, entrega de ovos de páscoa para as crianças atendidas pelo serviço. No evento as crianças poderão brincar, comer algodão doce e pipoca. Serão mais de 100 ovos distribuídos para as crianças e adolescentes.

Cecom realiza primeiro encontro preparatório do Integra 2015


CECOM realiza encontro preparatório para o 7º Integra

O CECOM (Centro de Educação Comunitário de Meninas e Meninos) realizou, sexta-feira, 27, o primeiro encontro preparatório do 7º Integra. A reunião trouxe informações sobre os serviços que serão realizados no evento e contou com a presença do representante da Secretaria Municipal da Saúde, dos diretores das escolas da região e colaboradores do CECOM. O 7º Integra será realizado no dia 30 de maio, na sede do Centro. O evento conta com atendimentos gratuitos na área da saúde, cidadania, cultura e lazer. Mais informações sobre o evento desenvolvido pelo Cecom no fone: 3297-1013.

Cecom inaugura rádio comunitária em caráter experimental


O Centro de Educação Comunitária de Meninas e Meninos (Cecom), ligado à Pró-Reitoria de Extensão e Apoio Estudantil (Proex) da PUC Goiás, inaugurou, a rádio comunitária ‘Estação Você Com a gente’ em caráter experimental, na Região Noroeste de Goiânia. O projeto tem como objetivo estimular o conhecimento e comunicação das crianças do serviço com programas transmitidos no interior da unidade. A estação conta com um conteúdo pluralizado com músicas, entrevistas, despertar da paz e programas com participação das próprias crianças.